Últimas notícias nº 19/2022 – 22/06/2022

Prefeitura de São Paulo inicia recapeamento de 5,8 milhões de m² em dez avenidas da capital

O maior programa de recapeamento da história da cidade teve início na madrugada dessa terça-feira (21) em dez vias, beneficiando todas as regiões da capital. Serão recapeados 5,8 milhões de metros quadrados de ruas e avenidas. Segundo o prefeito Ricardo Nunes, é um grande programa que teve início agora e se encerrará no final de em 2024, com 20 milhões de m² recapeados.

“É um investimento de aproximadamente R$ 1 bilhão em um serviço onde estamos utilizando muita tecnologia para dar maior durabilidade ao asfalto e melhorar a mobilidade da população nas ruas de São Paulo”, disse o prefeito. O trabalho de recapeamento será feito nas madrugadas para reduzir o impacto no trânsito.

Os serviços de recuperação asfáltica nesta primeira fase do programa serão realizados em todas as regiões de São Paulo. Na Zona Oeste, serão recapeados 70 mil m² da avenida Eliseu de Almeida (em ambos os sentidos), no trecho entre as avenidas Pirajussara e Caxingui. Já na Zona Leste, serão recapeados 374.660 m² nas vias: av. Celso Garcia, no trecho compreendido entre a avenida Aricanduva e a rua Dr. Ricardo Gonçalves; av. Itaquera, entre a avenida Aricanduva e a rua Itapitanga; av. Prof. Inácio de Anhaia Mello, no trecho entre a rua Visconde de Goiânia (Estr. Oratório) e o viaduto Grande São Paulo; e av. Jacu Pêssego, em ambos os sentidos, no trecho compreendido entre a ruas Ragueb Chohfi e Santo André Avelino.

Na Zona Sul, nesta primeira fase do programa, serão recapeados 115.780 m² de duas vias localizadas nas regiões das subprefeituras do Jabaquara e de Santo Amaro: av. Eng. George Corbisier, entre a rua dos Marapés e avenida Eng. Armando de A. Pereira, e av. Washington Luis, no trecho entre a avenida Interlagos e alameda Santo Amaro. E na Zona Norte serão recapeados mais de 110 mil m² de três vias: av. Raimundo Pereira de Magalhães, em ambos os sentidos, entre as ruas Gonsalves de Barros e avenida Fiorelli Peccicacco; av. Itaberaba, do Largo da Matriz de Nossa Senhora do Ó até avenida Inajar de Souza, e av. Nova Cantareira, da avenida Cel. Sezefredo Fagundes até a rua Maria A. Lopes de Azevedo.

Fonte: Prefeitura de São Paulo